Cardápio

Home

Entrada Pimenta Limão   Laranja  Jabuticaba Couve   Goiaba Feijão Espinafre Uva Milho Pepino Quiabo Tomate  Melância Soja   Mandioca Romã   Maçã Chuchu Cereja Cenoura Cebola Café Cajú   Cacau   Beterraba  Berinjela Açaí Batata doce   Banana  Azeitona Ameixa seca Arroz

Alho   Abóboras Abacaxi Abobrinha

PRA RIR OU PRA CHORAR?
Com a turma de No Reino das Abobrinhas na Amazon.com
PRA CHORAR DE RIR
Http://www.amazon.com/s/ref=nb_sb_noss?url=search-alias%3Daps&field-keywords=no%20reino%20das%20abobrinhas
Couve
 
Saúde e sorte
Nascida na Grécia, embora alguns digam que pode ter sido na Turquia, os gregos descobriram as suas vantagens nutricionais passando a cultivar, desenvolver e consumir. A couve invadiu o mundo juntamente com o exército romano. Apesar de muito saborosa e muito nutritiva, sofreu um pouco de preconceito por algumas pessoas acharem-na com um cheiro não muito agradável e de criar gases. A sua resistência ao rigor do inverno fez com que a couve vencesse essas barreiras. No Brasil a couve desceu do navio juntamente com os colonizadores portugueses e foi popularizada pelos africanos quando escravos. Ela se deu bem no Brasil e crescia com facilidade em qualquer canto, era nutritiva e passou a fazer parte importante da feijoada. Existe a crença de que a couve, em parceria com as lentilhas na passagem de ano, traz muita sorte. Acreditando ou não e, para não dar sopa para o azar, vamos comer couve o ano todo. O caldo verde é uma ótima pedida e traz sorte para a saúde.
 
Presente de grego
Não é à toa que essa hortaliça era cultivada pelos gregos como um alimento medicinal. Entre tantas coisas boas a couve fortalece os ossos, regula o intestino, é boa contra o reumatismo, contra bronquite, contra a úlcera no estômago, contra a anemia, contra os vermes, contra a bronquite, contra a asma, contra os problemas do fígado, é um anti-inflamatório, antibiótico, anti-irritante natural e ajuda a protejar contra o câncer. E para quem está de dieta tem mais uma boa notícia: ela tem pouquíssimas calorias. Tudo isso acontece porque ela uma ótima fonte de beta-caroteno, de vitaminas C, B6, E, K, e mais ácido fólico, cálcio, ferro, potássio, magnésio e contem bioflavonoide. "...contém substâncias funcionais que auxiliam no sistema imunológico, além de ser um alimento muito bom para o fortalecimento dos ossos..." acrecenta a nutricionista Gabriele Morini. A couve atravessou séculos e séculos, desde a Grécia antiga, cultivada e cultuada por conta de seu alto valor nutricional, curativo, pelo seu sabor e sua resistência a altas temperaturas. Não deixe de consultar um nutricionista.
 
EI, PSIU! SABE COMO CHAMAM A COUVE PELO MUNDO?
Italiano = cavolo
Espanhol = berza
nglês = collard greens
Alemão = gemüsecohl
Francês = chou cavalier
O nome científico é sempre em latim: Brassica oleracea L.
 
Te contei?
Que na Grécia e em Roma, a couve era usada somente para fins medicinais e não para comer?
Agora tá contado!