Cardápio

Home

Entrada Pimenta Limão   Laranja  Jabuticaba Couve   Goiaba Feijão Espinafre Uva Milho Pepino Quiabo Tomate  Melância Soja   Mandioca Romã   Maçã Chuchu Cereja Cenoura Cebola Café Cajú   Cacau   Beterraba  Berinjela Açaí Batata doce   Banana  Azeitona Ameixa seca Arroz

Alho   Abóboras Abacaxi Abobrinha

PRA RIR OU PRA CHORAR?
Com a turma de No Reino das Abobrinhas na Amazon.com
PRA CHORAR DE RIR
Http://www.amazon.com/s/ref=nb_sb_noss?url=search-alias%3Daps&field-keywords=no%20reino%20das%20abobrinhas
Milho
 
Presente dos deuses
De grão em grão o poderoso milho enche o nosso papo de saúde. Ele é muito mais que matéria-prima para deliciosos bolos, doces e salgados, é rico em fibras e também contém vitamina A, vitamina B1, vitamina C, magnésio, carotenoide, luteína e zeaxitina. Por ter isso o versátil milho previne os radicais livres, previne prisão de ventre, reduz o colesterol do mal, reduz a glicose no sangue, protege a visão dos raios violetas e previne a catarata. Pensa que é pouco? E tem mais no "cabelo" do milho, ele é uma espécie de Sansão do Reino das Abobrinhas, tem ação diurética que ajuda diminuir o ácido úrico. Além de fazer tudo isso pela nossa saúde o milho também é uma grande fonte de energia, e por isso mesmo tome cuidado na hora de comer se não quiser engordar ou se estiver de dieta. E para aproveitar bem aproveitado o milho, não deixe de consultar um nutricionista.
 
De grão em grão se faz história
As gramíneas Teosinte, "alimento dos deuses", há mais de 7000 a.C. Viviam em ilhas no litoral do Golfo do México, e com sua domesticação pela ação humana ela se transformou no milho que comemos hoje. Existem mais de 300 espécies que tiveram origem nessa época. No antigo México tinha uma deusa própria e uma festa só para ela. Logo o milho eracultivado por todos os das Américas, sendo a base dos alimentos das festas juninas. Em 1496, quando os europeus desembarcaram em nossas praias, não demoraram para levar o ilustre passageiro para conhecer o velho continente. Por lá tornou- se admirado por plebeus e nobres, sendo o ingrediente da tradicional polenta italianae de pães, broas, caldosetc. em Portugal e Espanha. Criaram lendas, histórias, poesia, festas e deusa para esse cereal que, com sua incrível capacidade de adaptação e versatilidade, tornou-se o terceiro alimento mais cultivado no mundo. Pois é, o milhonão é nenhum pamonha, não é?!
 
EI, PSIU! SABE COMO CHAMAM O MILHO PELO MUNDO?
Inglês = corn
Francês = le maïs
Italiano = mais
Alemão = mais
Espanhol = el maíz
Tcheco = kuku?ice
Sueco = majs
O nome científico é sempre em latim: Zea mays
 
Te contei?
Que além de gostoso e dos beneficios, também se usa para tintas, maionese, refrigerante, cerveja e filme fotográfico?                                                            
Agora tá contado!